(Obra “Carinho” de Patrícia Amato A.S.T. 80x90cm Disponível)

Eu gostaria muito de vender este ano. E você?! Mais do que gostaria, eu preciso. Porque sou Artista e é meu trabalho vender minha Arte. Se você é Artista, está na mesma situação. Se você vende, que bom! Se assim como eu, vende às vezes, dá aquela aflição, quase sempre. E independente de sua Arte, se é das tintas, da literatura, do teatro. Fácil não é para nenhum de nós.

Mas também, “desanimar jamais”,  como diz a canção. Senão, o que seria de nós?! Nada  a ver com viver de pensamento positivo, mas sim com viver de ação. Algo que vá além de executar a arte e oferecer a alguém, pois nada vende-se sozinho (que pena, né?!, rsrsrs).

Voltando às ações. Exposições. Ok, são caras e manjadas. Eu fujo, me arranco das que me cobram.  Faço com os amigos e dividimos os custos, já falei por aqui. Usar as redes sociais, sempre. Oferecer a pessoas que gostem de arte, me parece um bom caminho. Principalmente aquelas que ainda não conheço.

Onde estão os nossos futuros compradores? Eles existem, somente não os conhecemos e eles não nos conhecem. Então o maior trabalho que temos é nos mexermos para chegarmos até eles. Como fazer?

Construindo Relacionamentos de Forma Cortês

Passo 1 – Descubra quem são – procure na internet os principais compradores de arte do Brasil e do mundo. Mr Google te conta rapidinho!

Passo 2 – Peça amizade a eles nas redes sociais – aí é o seguinte – alguns você encontrará, outros não. Os que você encontrar, talvez estejam cheios de amigos já. Mas alguns te aceitarão.Não tenha medo de pensar grande. Sim, você merece!

Passo 3 – Descubra quem são os jovens compradores de arte da atualidade – preste atenção, são outras pessoas! No Brasil e no Mundo, são jovens bem sucedidos que colecionam Arte. Mr. Google te conta também!

Passo 4 – repita o passo 2.

Passo 5 – agradeça quando te aceitarem. E segure a onda, não saia de chofre já oferecendo seus trabalhos. Calma, seja elegante e cortês. Como você faria com qualquer novo cliente na vida, pessoalmente.

Passo 6 – este vamos descobrir juntos – comece aos poucos curtir os posts destas pessoas, assim como dos seus outros amigos virtuais. O facebook tem um robô algorítimo que faz com que as pessoas que se curtem tenham seus posts mais vistos entre elas. Em outras palavras, ele as mantèm próximas, e isto é bom para relacionamentos profissionais.

Passo 7 – ao fazer uma vernissage – convide o maior número deles possível, destes novos apreciadores de Arte. Pelo menos 10 deles. Note que para chegar no passo 07, você já deve ter “aquecido este relacionamento profissional”, para aumentar a chance dele ir ao seu vernissage. A cada 10 que você convidar, há chances de pelo menos 01 comparecer.

Parece pouco?! Pode ser. Mas é um Grande Apreciador de Arte. E se ele se der ao trabalho de ir a uma Vernissage sua, o que você acha que ele fará ao ver uma Obra sua e gostar?!

Sejamos bons Artistas e Bons Construidores de Carteira de Clientes.

Desejo Prosperidade a Todos!

Boas Artes!

Anúncios