(Foto da matéria: Caderno de Frida Kahlo, fonte:editora rose)

Livro de Artista. Definição:

“O livro de artista é um produto da arte contemporânea, construído deliberadamente a partir de um suporte preexistente, o livro, que é o seu protótipo, e ao qual louva ou faz contraposição crítica. A página e a estrutura podem ser enaltecidas ou sofrer todas as possibilidades de injúria e objeção, até alcançarem o estatuto da escultura e abandonarem a condição objetiva de livro. O autor propõe que as gradações percebidas não só podem como devem ser instrumentos da conceitualização e caracterização da obra e da categoria na qual ela se insere, desde certos exemplares do livro ilustrado até todo e qualquer livro-objeto. [..]”

Paulo Vilhena in: A página violada; da ternura à injúria na construção do Livro de Artista.UFRGS, 2001.

Cada um tem  o seu jeito de fazer. O meu…é um caderno de desenho que está todo rasurado. Mas acho autêntico, pois levo para onde vou. Amo. Tenho mais do que um. Escrevo ideias, anoto, esboço. Tenho um só de colagens e outro só dos desenhos das colagens. E outro menor onde anoto tudo sobre as entrevistas que faço, com meus garranchos de letra que só Deus entende…

Bom Mesmo era Leonardo Da Vinci, veja que lindo:

Sendo uma espécie de diário, o livro de artista torna-se uma Obra de Arte por si mesmo. Portanto, cuide bem dos seus. Tenha capricho. Há alguns poucos Salões de Arte que tem esta categoria em sua inscrição, inclusive.

Particularmente, curto os livros autênticos, como este do Leonardo Da Vinci. Mesmo bem cuidados, eles tem as marcas do tempo e do “leva para lá e para cá” que o artista faz. Tem pingos de tinta, marcas de cola, borrões de grafitte, mas tem Arte Pura e as digitais de quem tem “artenavida”. Tem Alma. Não são feitos para um Salão, eles são o retrato do cotidiano de uma vida de quem vive a arte. Tem uma história contada ali. Quanta beleza.

Há também mais exemplos de Grandes Mestres. Veja os de Henry Matisse:

caderno-henri-matisse-1869-1954

E Eugene Delacroix

caderno-eugene-delacroix-1798-1863

Ambos, a fonte é editora rose

Se você não tem o hábito de fazer, sugiro que comece. Compre um caderno de desenho destes de boa gramatura. Invista na sua história, ela é o seu legado.

Um beijo Artista querido. Boas Artes!

Anúncios