(Foto de Patrícia Amato)

Tenho pensado muito nos Artistas de Sucesso e claro, em como podemos ter mais chances de sermos reconhecidos e consequentemente ter nossos trabalhos mais desejados.

Além de muito trabalho, suor e talento, alguns Artistas atualmente apoiam-se nesta equação:  Artista + Apoio de Galerias e Participação em Salões = Maior Sucesso. Acho que parte dela é real sim, ainda.

Penso mesmo que já é tempo da gente se perguntar: queremos continuar assim? Se você quer ter nome de projeção internacional precisa de uma Bienal Importante. Ok. Mas independente disso, até chegar lá e é possível (conhecer as pessoas certas para entrar numa bienal ajuda, embora digam que não) que tal fazer sucesso de outra forma?  Proponho uma nova Equação.

Artista de Sucesso do século XXI = participa de grupos de artistas independentes + vende pela web + organiza Mostras de Arte em parceria com prefeituras + Mobiliza e forma opinião no seu meio + aprende a vender + empreende.

Como podem ver, dá muito mais trabalho, exige mais skills, e sem dúvida é um novo comportamento. Mas dá uma liberdade sensacional. Você até pode escolher algumas galerias e trabalhar com os verdadeiros curadores ( leia meu artigo sobre a tríade – a vaidade do artista, o falso curador e o verdadeiro curador, clicando aqui), tudo isso faz parte do seu perfil empreendedor. Mas a diferença é que você saberá a quem recorrer e como negociar com as galerias. E mais, antes disso, terá se tornado alguém que vende mais do que hoje.

Ao fazer todas estas tarefas, você se sentirá um trabalhador nas artes. Começa a te dar uma vontade muito gostosa de vender os seus trabalhos, pois você começa a sentir mais e mais o que há por trás da vida de artista. Realmente é bom! Ninguém te segura mais! E provoca mudanças não somente em você, mas neste círculo nada bom em que ainda os falsos curadores (principalmente os que cobram exorbitâncias) se alimentam de nós por acharem que não sabemos fazer um trabalho que afinal, não é tão desprazeroso assim. E os verdadeiros curadores passam a ter mais mercado, pois merecem!

Sobre as galerias. São custosas. Para elas mesmas. O custo de manutenção do ponto é alto. Então, elas cobram em torno de 40%, algumas 50% sobre a venda. Se você aprende a vender, e por favor venda você mesmo pelo mesmo preço que a geleria para manter a sua ética, você tem 100% em suas mãos. Meu preço é o mesmo dentro ou fora de uma galeria.

Vender pela web. Hoje é muito melhor e mais fácil. Mas há de se aprender a vender. Esta coisa de artista que não sabe  vender é a mesma coisa de alguém que diz que não sabe cozinhar. Aprende-se. Neste blog tem pelo menos 5 artigos que falam sobre vender, inclusive pela web e se vocês quiserem, deixem comentários aqui que volto a escrever sobre vendas. Ou se quiserem, montamos um curso a preço bem baixinho mesmo, é só um de vocês agitar o lugar. Montem um grupo e me avisem e vou até vocês, entrem em contato por este blog ou por meu facebook.

E muito importante: mais do que ser um Artista de Sucesso é ter Sucesso como Artista. Significa sustentar sua família, ter sossego todos os meses, uma vida digna e confortável e seu EGO sob controle. Humildade e sanidade mental. Paz. Bom demais, né?!

Pense na equação, amigo Artista! Sucesso para você!

Boas Artes!

Anúncios